🌓 🌞

オタク (Otaku) & 乙女 (Otome)

8 de jul de 2017

Como são vistos em seu lugar de origem, essa gente colorida?

Hoje em dia, オタク (Otaku) é um termo popular e é atribuido a coisas "legais", referente ao Japão. Mas, será que foi sempre assim? Será que essa galéra foi sempre bem vista? Como é vista hoje, lá na terra do sol que nasce?

Começando pela tradução

No Google Translate, tradução para オタク, é Geek. - Normalmente, Geek é usado para definir alguém que gosta de técnologia.Afinal, qual é a real definição de Geek? - E fazendo uma pesquisa em Google.com, pela palavra escrita em seus caractéres originais, já aparéce esse significado. Ségue a tradução diréta:

オタク(おたく)とは、自分の好きな事柄や興味のある分野に、極端に傾倒する人を指す呼称。 アニメ、漫画、玩具、映画、コスプレ、ゲーム、アイドル……。 さまざまな大衆文化があるが、そのような特定の趣味の対象および分野の愛好者、ファンを指す語として使われる。

O geek (nerd), referidos reférem-se às áreas de suas coisas e interesses favoritos, as pessoas que extremamente inclinado. Animação, banda desenhada, brinquedos, filmes, cosplay, jogos, ocioso .... Há uma variedade da cultura popular, mas os amantes de temas e campos de um passatempo tão particular, é usado como um termo que se refere aos fãs.

Na ニコニコ大百科 (Encyclopédia Sorridente -Ou "Nicopedia"), aparece a seguinte frase:

ニコニコ大百科

Lhe darei a tradução:=P

「オタク」という言葉は度々蔑称として使われています。
使う際には注意して使いましょう。

A palavra Otaku tem sido usado, muitas vezes, como um termo depreciativo. Vamos usa-la com cautéla.

Eu posso não ser muito bom em japones, mas, acompanho o conteudo de lá e também de brasileiros que moram lá. - Um excelente canal que eu recomendo é o Japão Por Outros Ólhos, do Velberan. - E eu já tenho essa noção, do uso da palavra オタク.

Acontece que, no Japão, オタク é o estereótipo daquela pessoa que, no ocidente, é o nerd do século passado. Aquele anti social que sabia muito sobre divérsos assuntos referentes a cultura pop e lia revistinhas em quadrinhos. Pois é... é que em alguns aspéctos, o Japão ainda é atrasado. Por exemplo: o simples fato de uma pessoa pintar o cabelo e/ou tatuar o corpo, já impede de arranjar um emprego.

Qual é, Japão?!

No Japão, a régra que nunca foi régra de "boa imagem" na empresa é levada a sério. Sério até demais! Uma boa parcéla da população japonesa é extremamente tradicional. E apesar do fato de algumas tradições realmente terem algum benefício, que já foram até comprovados, ainda há aquele "receio" de mudar.

A explicação para esse "receio" foge um pouco do assunto.

Para quem tem, pelo menos, uma noção minima, sobre o que é オタク, já imagina um(a) cosplayer. Afinal, a origem disso, foi na "Terra do Sol Que Nasce".

Ruija com uma big pelucia do Tentomon
Ruija fantsiada de Izzy. Cosplay não tem gênero.=)

Hoje em dia, da para ganhar uma boa grana com isso Há inumeros eventos, para que essas pessoas com gostos em comum, se encontrem. E com mais de 1000 pessoas frequentando esse tipo de evento,eu não sei o por que essa gente é chamado de "anti social".

Galéra reunida, deitada na grama. Que delicia! - Lux Cosplay

Normalmente, a palavra Otaku é referenciada a pessoas que curtem tanto manga, quanto cosplay. Mas, de acordo com este site, videogames estão incluidos.

A versão "negativa" do estereótipo

Assim como o que conhecemos "Nerd", os オタク (Otaku) também tem um estereótipo "versão depreciada".Dando uma rápida pesquisa noYouTube Japão, encontra-se um video humoristico, em que "zoa" esse estereótipo.

Você, criança que, hoje em dia, se declara Nerd, pelo simples fato de acessar o Facebook, saiba quoe, até o fim dos anos 90's, os Nerds de verdade, que realmente sabem sobre aquilo que gostam, eram QUASE SEMPRE mal interpretados. No colégio, se uma pessoa fosse flagrada lendo uma HQ e/ou jogando um game eletrônico portatil e/ou jogando um card game, se tornava uma das principais vitima de bullyng.
Éra mal tratado de divérsas fórmas e só por causa de um gosto pessoal.

E de acordo com os meus conhecimentos, no Japão, há essa maneira "depreciativa" do estereótipo.

O lado pouco comentado

Não adianta dizer que "no Brasil não tem" e "no meu tempo não tinha essas coisas". Pois, ha registros do contrário

Eu já falei do lado "divertido",desse estereótipo. Agora, eu irei falar do lado menos comentado e dos possiveis "porques".

Por algum motivo, é bem comum uma pessoa adulta achar o padrão comum, entre os padrões estéticos de crianças, algo bem fofo. Tanto que é bem comum tratamentos estéticos que prométem deixar as pessoas com uma aparencia "mais jovem".

Isso tem relação com memórias da infancia e a forma como essas memórias se "ligaram" no subconsciente das pessoas. Porém, é fato que, SENDO OU NÃO,OTAKU, há pessoas que vão um pouco além de achar fofo.

Quantos anos tem essa personagem? Personagem de Angel Beats, que tem nome de vegetal. Imagem desse site.

Eu confésso que isso não me surpreende. Já vi gente "transando" até com um asfalto. Esses que são pouco comentado, parecem autistas com uma inabilidade de se comunicarem com o sexo oposto. E por isso, acabam comprando produtos com a "marca" dessa personagem fictícia. Parece que tem medo de ouvir um não. A realidade parece ser algo pesado, para essa galéra.

Antes gastando o próprio dinheiro, para comprar cobertores para se "satisfazerem", que é melhor que sair por aí assediando pessoas aleatórias.

Antes que falem mérda, a pedofilia não é algo permitido, no Jãpão. Não vou negar que, assim como no Brasil e em outros países, esse tipo de coisa existe. Mas, pode ter certeza, em nenhuma lója do Japão, vocẽ irá encontrar material do tipo. E se encontrar, vale a mesma regra, caso você encontrasse no Brasil.

乙女 (Otome - Donzela (e outros significados))

乙女 é como chamam as mulheres que gostam de todas as coisas citadas, nesse texto. E pelo estereótipo que é muito relácionao a essa palavra - a parte negativa, que enolve "donzéla sempre "em perigo e incapaz de se defender" - eu não curto muito essa palavra.

o univérso estereotipado de ambos

Apesar de algumas coisas em comum - como o gosto por animações japonesas e até mesmo, os livros-manga (漫画), há estereótipos para cada "tribo social".

Sexo Masculino

É comum os hiper-estereotipados do sexo masculino gostarem de mangas eróticos e se masturbarem para um desenho de uma peituda kawaii/. - As mulheres asiáticas tem seios pequenos. Por isso o abuso desse tipo de traço, nos 漫画 (manga).

Não é errado gostar de mulheres com seios avantajados. Há menos, que você ache que todas querem ser "seu objéto de desejo".- Imagem de ハタラキ有

E colegiais. Sim. Colegiais com saias hyper curtas e sem nenhuma calça. - E com um rostinho かわいい (kawaii). - Sem isso, não é coisa de オタク (Otaku). - E/Ou de pessoa tarado(a).

Estudantes japonesas batendo palmas
Em alguns aspéctos, o Japão ainda é atrasado. - Imagem desse video

O estereótipo feminino

Assim como os estereótipos masculinos, não há muita novidade. É meiga, fofa, e se apaixona por estereótipos do quais muitos オタク (Otaku) "ao extremo" falham em ser. Dependendo de como esses dois caractéres são usados, 乙女 pode significar "solteira". Pode ser algo bom, dependendo de quem ouve e como é aplicado em uma frase.

Ok. Ao que parece, nada demais, se for comparar com o estereótio reláciońado ao sexo masculino.

Então...

Coisas fofas são legais. Preocupação extrema com a aparencia não. - Imagem do "clipe oficial da Kyary Pamyu Pamyu.

Eu também gosto do "elemento fofura" no entreterimento. É legal. Mas, quando eu sei que quem o utiiza está pouco se fodendo para a quaalidade e parece fazer apenas por fazer, eu vejo com um certo desconforto.

E eu não sou o unico. A Kyary saiu perdendo legal, nesse jogo. Os videos éram para serem clipes musicais. Mas, faltou talento. E o resultado está nas views desse video, postado há dois meses antes desse post.

Mas, isso acontece com J-Idols. As produtoras as contratam, exploram o seu "potencial em chamar a atenção" e param de fazer sucesso rápido.

Vamos comparar... Vamos relevar a diferença de um mês.

A diferença é de centenas de milhares. Quando a pessoa parece não estar muito bem com si própŕia, dificilmente o sucésso durara por muito tempo. Vejam a data dos videos.

Kyary Pamyu Pamyu

Será que ela estava curtindo? - Screenshot desta "fofura" de video.

Nessa próxima imagem, repare na diferença gigante.

Babymetal

Ok... realmente, eu sou um fã da banda. Mas, eu sou honésto. Babymtal consseguiu, em 3 meses, algo que a Kyary não vai consseguir quando o seu video chegar a completar três meses. Talvez tenha relação com o fato dela estar presa ao lance da móda. Enquanto as nossas roqueiras fofamnte bizarras já começaram na musica. Enfim... eu fuji demais do tema.

É cláro que o Rock não iria escapar desse univérso. Muitas bandas surgiram e com a onda do Rock Fofo... surgem resultados como BAND-MAID e outras bandas, que eu não deixarei nesse post, para não ficar repetitivo.

Por enquanto, eu vou parar o post aqui. Tá muito extenso e eu não estou encontrando as informações que eu gostaria de adicionar, no momento. Eu deixei de trabalhar em outros projétos, para dar atenção exclusiva para este post.

Para não ficarem sem um entreterimento, fiquem com um video da musa digital que ninguém se importa se tem auto tune.

Uma personagem que não existe, fazendo shows no mundo real e com o "pitch" lá no topo. Querem coisa mais fofa que isso?

Nenhum comentário:

Postar um comentário