🌓 🌞

Você é normal, você é fraco!

16 de abr de 2017

Temos tendencia a procurar algo fóra do nosso "normal". O mundo todo procura por algo bizarro. Prova disso, são desde bandas de rock-metal, que já são raiz da musica rock metaleira ocidental, como as bizarrices em fórma de animação do Golfinho corajoso Yuri e as bizarrices visuais do oriente.

Mesmo se for uma música com letra destinada ao publico infantil.

O povo de térras orientais sabem disso. Tanto que, em um próximo post, eu deixarei exposta uma seleção bizarra de videos do oriente. Porém, como eu sou legal, eu deixarei uma amóstra gratis, do que eu vou mostrar no post seguinte.

No próximo post terá videos menos retardados. Mas, eu sei que vocês curtem!

Voltando ao assunto

O conceito de bizarrice é diferente,dependendo da pessoa. - E da época. - Por exemplo: o seu visual "normal" poderia não ser muito bem visto, há dois séculos atrás. Pintar o cabelo? Hunpf... Mas que pessoa estranha!

Somos todos estranhos. Desde o nosso nascimento. As pessoas acabam sendo "moldadas" para ser quase 100% igual ao grupo com o qual convive, ao invés de ser quem realmente é e criar o seu próprio grupinho, até. Isso diminuiria muito o pré-conceito! Que, geralmente, é causado devido a estranhesa. Se desde a infancia, todos ficassem expóstos a diferentes classes sociais, aparencia, musicas diferentes do que o seu grupinho é acostumado, viver em uma bolha seria algo menos comum.

Bizarrice faz sucesso

Black Sabbath,, Babymetal, Kyary Pamyu Pamyu... fora boas músicas - como Iron Man, de Black Sabbath e Akatsuki, de Babymetal - o que acabou causando essa fama toda, foi o simples fato de serem mais diferentes do seu meio social. Principalmente nos tempos atuais, a bizarrice é o conteudo mais procurado. E no século 21, pessoas que respiram bizarrice, consomem isso no seu dia a dia, tem um local especial que acaba funcionando como um universo paralelo, cheio de coisas profundamente bizarras.

Isso foi profundo! SQN!

Então, só basta eu criar alguma coisa bizarra, que eu fico famoso?

Sim e não. Você tem que fazer pequenas alterações, com o passar do tempo, se quiser manter o seu público por mais tempo. - E atrair publico novo, também. - Não adianta, apenas, ser bizarro. Tem que fazer a pessoa se sentir bem com aquilo.

Ok... existem pessoas que curtem conteúdo creepy. Prova disso, é o sucesso que canais de creepyṕasta andaram tendo. Outra coisa bizarra, que fez - e ainda deve fazer - muito sucesso. Mas, isso ainda é "normalzinho".

Você é bizarro

Você pode dizer que não. Mas, como anda a sua imaginação? A imaginação de todo o mundo é bizarra. Só que, poucos tem a coragem de expor, pelo menos um pouco, de sua bizarrice.

Várias dessas pessoass, são adimiradas pela coragem que tem em expor a sua verdadeira personalidade. Claro que, nem tudo que é bizarro, é necessáriamente, algo bom. E mesmo sendo, haverão pessoas que não concordam com isso. Demóra um pouco para que a maioria se adaptarem. Até mesmo aquilo que é normal hoje, foi bizarro há um tempo atrás. O diferente é bizarro. E ser bizarro é bom!=)

Nenhum comentário:

Postar um comentário